top of page

Ervas aromáticas em cerimónias fúnebres

Atualizado: 5 de ago. de 2022


A tradição de oferecer flores num velório tinha de início a função de disfarçar o cheiro do cadáver em decomposição e afastar animais que pudessem desenterrar o corpo. Em Israel foram encontrados vestígios de ervas aromáticas como a salva e hortelã em túmulos com 14 mil anos.

Com o passar do tempo, oferecer flores num velório tornou-se um ritual pleno de simbolismo. A forma circular das coroas e grinaldas representa o infinito, como memória intemporal do ente querido que fica para sempre no coração dos seus amigos e familiares.

Entre as flores mais comuns oferecidas nos velórios os crisântemos e os lírios simbolizam amor e afeto. A delicadeza das rosas brancas e dos jarros têm uma conotação espiritual de tranquilidade, paz e pureza da alma. O cravo associa-se à saudade eterna. As gerberas trazem boas energias para que o momento da despedida seja menos penoso.


Se bem que as flores são importantes no velório, as ervas aromáticas tiveram em tempos um papel ainda mais relevante no que respeita ao simbolismo. Na Grécia antiga era quase uma obrigação adornar a urna com salsa pois, segundo a mitologia grega, acreditava-se que em Ogygia, a ilha onde vivia a deusa da morte Calypso, havia campos repletos de salsa. Adornar a urna com salsa era uma forma de ajudar a alma a encontrar o caminho para a vida do além. Este ritual deu origem à expressão inglesa “in need for parsley”, uma forma gentil de dizer que alguém está perto a morrer.


O alecrim e a salva são duas ervas também com significado muito poderoso nas cerimónias fúnebres. Enquanto o alecrim representa as memórias que vão estar para sempre no coração, a salva é uma erva usada para purificar e ajudar a ultrapassar a tristeza. Por outro lado os oregãos asseguram a felicidade do defunto para toda a eternidade.


A alfazema é também uma erva importante na hora da despedida porque tem um efeito calmante e, segundo o cristianismo, protege contra o mal.


Porém, não há regras na hora de escolher as flores que queremos oferecer na despedida de alguém especial. Muitas vezes gostamos de oferecer flores com significados muito pessoais, seja porque estão ligadas a momentos de felicidade que passamos junto da pessoa falecida ou simplesmente é um impulso do momento.








36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page